23.8 C
Rio de Janeiro
domingo, setembro 27, 2020
- Publicidade -

Comissão do Meio Ambiente vai apurar acidente em Sepetiba e situação das barragens no estado

- Publicidade -
- Publicidade -

A Comissão de Defesa do Meio Ambiente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) foi instalada nesta quinta-feira (28/03). O deputado Thiago Pampolha (PDT) foi escolhido presidente e o deputado Jorge Felippe Neto (PSD) vice-presidente. Integram a comissão os deputados Flavio Serafini (PSOL), Brazão (PR), e Carlos Minc (PSB) como titulares. Os deputados Chico Machado (PSD), Fabio Silva (DEM), João Peixoto (DC), Marcelo Cabelereiro (DC) e Vandro Família (SDD) são os suplentes.

“Um dos primeiros trabalhos será a apuração das causas e conseqüências do acidente que ocorreu na Baía de Sepetiba, em Guaratiba, Zona Oeste do Rio, que afetou os pescadores e o turismo na região”, anunciou o presidente. Em março, um vazamento de óleo contaminou a região e resultou na mortandade de animais, como peixes e tartarugas.  Outra questão priorizada pelo grupo é conhecer o estado em que se encontram as barragens construídas no Estado do Rio de Janeiro.

Carlos Minc informou que, no caso das barragens, o Ministério Público Estadual e o Inea já foram notificados sobre o descumprimento de recomendações previstas na lei que instituiu a Política Estadual de Segurança de Barragens, aprovada pela Alerj em janeiro de 2016. O parlamentar que também é presidente da Frente Parlamentar Ambientalista e da Comissão do Cumpra-se, ambas da Alerj, anunciou que pretende atuar junto com a Comissão de Defesa do Meio Ambiente. O deputado Chico Machado afirmou que já solicitou uma vistoria, junto com o Corpo de Bombeiros e a  Defesa Civil, para verificar duas destas construções localizadas nos municípios de Macaé e de Trajano de Moraes. O deputado Jorge Felippe Neto propôs a elaboração de um relatório sobre a atual situação das barragens construídas em todo o Estado.

A comissão recebeu ainda, durante a reunião, um ofício da Prefeitura de Petrópolis solicitando um levantamento sobre os efeitos e o alcance do acidente no Estado do Rio de Janeiro com o rompimento da barragem de Mariana, ocorrido em novembro de 2015, em Minas Gerais

Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Veja Também

Últimas Notícias

Coronavírus: Rio de Janeiro tem 18.247 óbitos e 259.670 casos confirmados no RJ

Há ainda 503 óbitos em investigação e 364 foram descartados. Entre os casos confirmados, 237.024 pacientes se recuperaram da doença.

Renault Sandero é o veículo usado mais negociado na web em agosto

Modelo da fabricante francesa assume a primeira posição dos mais vendidos na plataforma e passa a ser o segundo mais vendido no ranking deste ano
- Publicidade -