30.5 C
Rio de Janeiro
quarta-feira, setembro 30, 2020
- Publicidade -

Câmara aprova MP que aumenta salário mínimo para R$ 1.045

- Publicidade -
- Publicidade -

A Câmara aprovou na noite de hoje (26) a  Medida Provisória 919/20, que aumenta o salário mínimo para R$ 1.045 em 2020. O texto segue para análise para o Senado.

Os deputados aprovaram o projeto de lei de conversão do deputado Coronel Armando (PSL-SC) e incorpora ao salário mínimo o aumento que passou a vigorar em janeiro deste ano, quando a MP 916/19 foi publicada.

A MP 916/19, editada no final do ano passado, acrescentou ao salário mínimo um reajuste de 4,1%, que correspondeu à estimativa do Índice Nacioanl do Preços ao Consumidor (INPC) para 2019. Com isso, o salário mínimo passou de R$$ 998 para R$ 1.039.

Como a inflação de dezembro de 2019 foi divulgada em janeiro deste ano, o índice anual do INPC do ano passado foi de 4,48%. Com isso, o salário mínimo teve uma alta nominal de 4,7%, chegando ao valor final de R$ 1.045.

- Publicidade -

O governo federal estima que, para cada R$1 de aumento no salário mínimo, os gastos públicos elevam-se em aproximadamente em R$ 355,5 milhões. As despesas impactadas pelo mínimo são: abono salarial e seguro desemprego, benefícios previdenciários (como aposentadorias e pensões) e benefícios assistenciais (como o Benefício da Prestação Continuada – BPC).

* Com informações da Agência Câmara 

Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Veja Também

TIM oferece novas oportunidades a universitários negros durante conferência do Movimento Afro Presença

Idealizado e coordenado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e realizado pelo Pacto Global da Organização das Nações Unidas, o encontro busca promover a inclusão de universitários afro-brasileiros no mercado de trabalho. 

Degase passa a fazer parte da Segurança Pública do Rio de Janeiro

O Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) será incluída no rol dos órgãos da Segurança Pública, ao lado das polícias Civil, Militar e Penitenciária e do Corpo de Bombeiros.

Últimas Notícias

Espetáculo sobre Clarice Lispector vira websérie no YouTube

Agora adaptada para as mídias digitais, peça estreou em março, no Sesc Copacabana, mas temporada foi interrompida por causa da pandemia. Obra celebra o centenário da escritora.

TIM oferece novas oportunidades a universitários negros durante conferência do Movimento Afro Presença

Idealizado e coordenado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e realizado pelo Pacto Global da Organização das Nações Unidas, o encontro busca promover a inclusão de universitários afro-brasileiros no mercado de trabalho. 

Aos 80 anos, morre o ex-atacante Batuta, ídolo do Flamengo

Na noite de terça-feira (29), o ex-atacante Walter Machado da Silva, conhecido como "Batuta", faleceu no Rio de Janeiro aos 80 anos....

Degase passa a fazer parte da Segurança Pública do Rio de Janeiro

O Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) será incluída no rol dos órgãos da Segurança Pública, ao lado das polícias Civil, Militar e Penitenciária e do Corpo de Bombeiros.

TIM oferece novas oportunidades a universitários negros durante conferência do Movimento Afro Presença

Idealizado e coordenado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e realizado pelo Pacto Global da Organização das Nações Unidas, o encontro busca promover a inclusão de universitários afro-brasileiros no mercado de trabalho. 

Degase passa a fazer parte da Segurança Pública do Rio de Janeiro

O Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) será incluída no rol dos órgãos da Segurança Pública, ao lado das polícias Civil, Militar e Penitenciária e do Corpo de Bombeiros.

Reforços do Vasco: Valencia fica próximo, clube negocia com Alex Teixeira e monitora Giuliano

O Vasco da Gama está a todo o vapor no mercado da bola em busca de reforços e peças importantes podem pintar na Colina História de São Januário nos próximos dias: Antonio Valencia, jefferson Montero, Nicolás Hernandez, Alex Teixeira e Felipe Vizeu estão na pauta vascaína
- Publicidade -