28.1 C
Rio de Janeiro
quinta-feira, 25 de abril de 2019 9:0907
- Publicidade -

Cultura do Japão invade a praia de Copacabana com dança e alegoria

- Publicidade -

Os cariocas e turistas que aproveitavam o domingo de sol (20) na Praia de Copacabana foram surpreendidos por representantes da comunidade japonesa que, além de distribuir sacolas aos banhistas para que recolhessem o lixo e não sujassem a areia, participavam de um desfile típico oriental na Avenida Atlântica.

Segundo informou o organizador do Rio Matsuri, festival da cultura japonesa que vai acontecer no Riocentro no próximo fim de semana, Sérgio Takao, a meta é compartilhar uma das principais características da cultura nipônica, “que é o cuidado com o asseio dos espaços públicos e a consciência de que cada cidadão é responsável pelo ambiente em que vive. A ideia é dar o exemplo para que todos cuidem melhor dessa cidade maravilhosa”.

- Advertisement -

A manipuladora de alimentos Vânia Souza, de 39 anos, que curtia a praia com amigos, achou a iniciativa positiva.

“As pessoas precisam aprender desde pequenas, em casa, que cada um é responsável pelo seu lixo. Infelizmente, a maior parte dos cariocas acha que gari é empregado. Não é. Todos somos responsáveis. Acho que ações como essa ajudam a constranger os que deixam a praia suja e estimulam a reflexão”, disse Vânia.

As apresentações de dança foram acompanhadas de tambores tradicionais (taiko) e uma alegoria de dragão com mais de 10 metros de comprimento, que encantaram o público que teve uma pequena amostra do que poderá encontrar no Rio Matsuri, entre os dias 25 e 27 deste mês.

Durante os três dias de evento, será possível conhecer em detalhes os hábitos, a culinária, os esportes, as artes, a música e as filosofias do Japão, tudo apresentado por japoneses e seus descendentes.

Rio Matsuri

A programação inclui atrações para todas as idades, ao preço de R$ 30 (inteira). Crianças até 8 anos entram de graça.

Essa segunda edição do evento traz novidades, como a ampliação de áreas que fizeram sucesso no ano passado. O espaço gastronômico, por exemplo, que oferece a comida tradicional do Japão, mais que dobrou de tamanho.

Os visitantes verão, ainda, apresentações de artes marciais, cerimônia do chá, exposições de Mangá, Bonsai, Ikebana e artes plásticas, além de oficinas de gastronomia, Origami, Mangá, Shodô, Pixel Art e Ikebana, entre outras atrações.

Últimas Notícias

Trens poderão ter que disponibilizar bagageiros

A determinação é do projeto de lei 117/19, de autoria da deputada Lucinha (PSDB), que foi aprovado pela Alerj

Presidente e diretores do Rioprevidência falam sobre operações de securitização e mais autonomia do órgão

Eles detalharam as operações de securitização de royalties do petróleo feitas entre 2013 e 2018 pelo Governo do Estado

CETC aplica 115 multas e remove 19 vans em um dia

Quatro utilitários foram removidos após denúncias no 1746

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 105 milhões neste sábado

115 pessoas acertaram a quina e irão ganhar, cada uma, mais de R$ 55 mil

Escolas da Prefeitura do Rio recebem medalhistas olímpicos, para palestras e oficinas

Arnaldo Oliveira, André Domingos e Thaissa Barbosa Presti são os campeões que estarão com os alunos pelo Programa Heróis Olímpicos CAIXA

Brasil não pode fazer reforma ‘meia-boca’, afirma Bolsonaro

Presidente disse que a Câmara dos Deputados é soberana para fazer alterações, mas que espera que proposta não seja desidratada

Jair Bolsonaro extingue o horário de verão

A decisão extingue o horário de verão por tempo indeterminado e não apenas para 2019

Kygo e Rita Ora estreiam novo single e clipe para “Carry On”

Música faz parte da trilha sonora do filme Pokémon: Detetive Pikachu