28.1 C
Rio de Janeiro
quinta-feira, 25 de abril de 2019 9:0209
- Publicidade -

PM e Guarda Municipal terão esquema especial para Réveillon no Rio

- Publicidade -

A Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro terá um efetivo de 15.886 agentes em atuação no Réveillon deste ano, aumento em torno de 25% em comparação a igual período do ano passado. O policiamento será feito com 1.415 viaturas.

Será dada atenção especial para a área litorânea da capital, além de Niterói, na região metropolitana, a Região dos Lagos e a Costa Verde. O esquema especial de policiamento terá início às 6h da próxima segunda-feira (31), encerrando-se na manhã do dia 1° de janeiro de 2019.

- Advertisement -

O chefe do Estado-Maior Geral da PM, coronel Luís Henrique Marinho Pires, responsável pelo planejamento do esquema especial, atribuiu o reforço de policiais e viaturas este ano à recomposição de efetivo, feita a partir da Intervenção Federal no estado, e à recuperação de recursos materiais, com compra e reforma de viaturas.

Copacabana

Cerca de 1.941 policiais cuidarão do policiamento na Praia de Copacabana, a pé e motorizados, visando garantir a segurança de cariocas e turistas que participarão da maior festa de Réveillon do país. A orla contará também com a presença de policiais do Batalhão de Rondas Especiais e Controle de Multidões (Recom), lançado recentemente, que darão atenção especial à faixa de areia.

Trinta torres de observação ficarão instaladas na orla de Copacabana, sendo 15 na areia e 15 no calçadão. Copacabana terá ainda policiamento com cães e cavalos.

Bloqueio

Os 24 pontos de bloqueio estabelecidos na cidade pela Companhia de Engenharia de Tráfego do Rio de Janeiro (CET-Rio), terão apoio do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), que se encarregará também do policiamento na parte externa das estações do metrô, em Copacabana.

O Grupamento Aeromóvel (GAM), equipado com câmeras, irá monitorar os principais pontos da cidade. As imagens serão transmitidas em tempo real para o Centro Integrado de Comando e Controle Móvel (CICCM), que ficará posicionado na altura da Rua República do Peru com Avenida Atlântica. A Unidade de Controle de Distúrbios (UCD/ BPCHq) ficará no mesmo local.

O Centro Integrado de Comando e Controle Móvel (CICC), na Cidade Nova, trabalhará em esquema de plantão especial com o objetivo de acompanhar em tempo real as imagens geradas tanto pelas câmeras do helicóptero do GAM como pelas demais câmeras instaladas em diferentes pontos da cidade. A atuação será coordenada entre representantes das Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros, CET-Rio, Guarda Municipal e Centro de Operações Rio (COR).

O Regimento de Polícia Montada (RPMont) fiscalizará o bairro de Botafogo e o Parque do Flamengo, ambos na zona sul do Rio, e terá uma guarnição de cavalaria também na orla de Copacabana. Na estação Cardeal Arcoverde de metrô, principal acesso de chegada e saída da festa, bem como na Central do Brasil, estará de prontidão o Batalhão de Ações com Cães (BAC). O Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) poderá ser acionado caso seja necessário.

Vias Expressas e estradas

Além do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE), o Grupamento Tático de Ação Rápida (BPchoq/GTAR) vai patrulhar as Linhas Amarela e Vermelha, e a Avenida Brasil no período da tarde e da noite. Nas estradas estaduais, o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) adotará o esquema de policiamento especial adotado durante o feriado prolongado do Natal. O esquema vai vigorar até o dia 2 de janeiro de 2019. Haverá reforço no policiamento nas rodovias de maior movimento, além das estradas de acesso à Região Serrana e do trecho do Arco Metropolitano sob responsabilidade da Polícia Militar.

Guarda Municipal

O esquema especial montado pela Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) para o Réveillon na Praia de Copacabana contará com 1.774 guardas, sendo 616 de trânsito, revelando alta de 67% em relação ao ano passado. O efetivo atuará no patrulhamento em geral e nas ações de ordenamento urbano, fiscalização do trânsito e do programa Lixo Zero.

Os agentes coibirão também pequenos delitos. As equipes usarão instrumentos de menor potencial ofensivo, como os dispositivos elétricos incapacitantes, conhecidos como pistolas de eletrochoque, que foram adquiridos em outubro passado.

O esquema contará com apoio de 122 viaturas, entre veículos e motocicletas, 376 rádios de transmissão, além de smartphones para a comunicação entre as equipes que estarão patrulhando a orla e as ruas internas de Copacabana e também no Centro de Comando e Controle Móvel, que ficará estacionado na Avenida Atlântica, esquina com a Rua República do Peru, ligado ao Núcleo de Videopatrulhamento e com acesso às câmeras da prefeitura. O Centro de Comando e Controle Móvel contará ainda com um guarda bilíngue do Grupamento de Apoio ao Turista (GAT), para auxílio a turistas estrangeiros.

A operação terá ainda apoio de agentes do Grupamento de Cães de Guarda (GCG) atuando no entorno das estações do metrô Siqueira Campos e Cardeal Arcoverde. Serão realizadas ações preventivas de patrulhamento, com foco na promoção da sensação de segurança.

Trânsito

Do total do efetivo, 616 guardas vão atuar exclusivamente no controle e na fiscalização do trânsito. As equipes da Subdiretoria Técnica de Trânsito farão a implantação e o monitoramento dos pontos de bloqueio nos bairros de Copacabana, Ipanema, Leblon, Flamengo, Botafogo e Lagoa, na zona sul, de acordo com planejamento da CET-Rio.

Os guardas municipais responderão também pela implantação da pista reversível da Avenida Atlântica. Eles fiscalizarão o cumprimento da proibição de estacionamento na Avenida Nossa Senhora de Copacabana, e farão ainda fiscalização e monitoramento das estações do metrô.

Recomendações

A Polícia Militar recomenda às pessoas que cheguem com antecedência aos locais da festa e priorizem o transporte público, providenciando identificação para as crianças. Recipientes de vidro e fogos de artifício devem ser evitados.

Últimas Notícias

Trens poderão ter que disponibilizar bagageiros

A determinação é do projeto de lei 117/19, de autoria da deputada Lucinha (PSDB), que foi aprovado pela Alerj

Presidente e diretores do Rioprevidência falam sobre operações de securitização e mais autonomia do órgão

Eles detalharam as operações de securitização de royalties do petróleo feitas entre 2013 e 2018 pelo Governo do Estado

CETC aplica 115 multas e remove 19 vans em um dia

Quatro utilitários foram removidos após denúncias no 1746

Mega-Sena acumula e pode pagar R$ 105 milhões neste sábado

115 pessoas acertaram a quina e irão ganhar, cada uma, mais de R$ 55 mil

Escolas da Prefeitura do Rio recebem medalhistas olímpicos, para palestras e oficinas

Arnaldo Oliveira, André Domingos e Thaissa Barbosa Presti são os campeões que estarão com os alunos pelo Programa Heróis Olímpicos CAIXA

Brasil não pode fazer reforma ‘meia-boca’, afirma Bolsonaro

Presidente disse que a Câmara dos Deputados é soberana para fazer alterações, mas que espera que proposta não seja desidratada

Jair Bolsonaro extingue o horário de verão

A decisão extingue o horário de verão por tempo indeterminado e não apenas para 2019

Kygo e Rita Ora estreiam novo single e clipe para “Carry On”

Música faz parte da trilha sonora do filme Pokémon: Detetive Pikachu