25 C
Rio de Janeiro
terça-feira, 23 de abril de 2019 9:3809
- Publicidade -

Palmeiras e Inter trocam farpas e aumentam disputa de bastidores por título

- Publicidade -

Na reta final do Campeonato Brasileiro, a briga pelo título acontece também fora do campo. O líder, o Palmeiras, e o vice-líder, o Internacional, têm trocado farpas públicas e elevado a temperatura nos bastidores para as seis últimas rodadas da competição.

Alvo de indiretas do clube gaúcho nas últimas semanas, o time alviverde entrou de vez no confronto com a declaração do presidente Maurício Galiotte na última segunda-feira (5), de que o rival colorado é o “mais beneficiado pela arbitragem”.

- Advertisement -

As reclamações do Inter com referências ao Palmeiras têm sido frequentes. Após o empate por 2 a 2 com o Santos em 22 de outubro, em que Leandro Damião teve um gol anulado depois de vários minutos de discussão da arbitragem, o técnico Odair Hellmann disse que, no dia anterior, o juiz havia “esperado” o replay da televisão para validar um pênalti a favor do Palmeiras contra o Ceará -o que não aconteceu.

Dois dias depois, o experiente meia D’Alessandro afirmou em entrevista coletiva que é difícil disputar título com equipes paulistas ou cariocas, insinuando que haveria favorecimento a times do Sudeste do país. “A briga é desigual, é difícil. Vocês podem tirar suas conclusões”, disse o camisa 10.

Já no último domingo (4), após a vitória sobre o Atlético-PR com um pênalti polêmico nos acréscimos, o vice de futebol do Inter, Roberto Melo, disse que o Palmeiras já “parecia comemorar o título” e que havia ainda “muita coisa pela frente”. A resposta alviverde veio no dia seguinte, com Galiotte usando os relatórios de arbitragem da CBF para dizer que o Inter tem sido o clube mais beneficiado por erros.

A disputa de bastidores envolve ainda outra questão: o Internacional articula com outros clubes um rompimento de seu vínculo com o Esporte Interativo por direitos de transmissão na TV fechada, alegando que a Turner, proprietária dos canais, desrespeitou o contrato ao pagar mais para o Palmeiras do que para as outras equipes pelo acordo.

As trocas de farpas com concorrentes diretos não são novidade para o Palmeiras. Em 2016, ano do último título brasileiro alviverde, o clube também se desentendeu nos bastidores com o Flamengo, em relação que permanece estremecida até hoje. O diretor de futebol alviverde, Alexandre Mattos, e o técnico Luiz Felipe Scolari, aliás, aguardam julgamento no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) por insinuarem que a arbitragem da vitória sobre o Ceará havia dado propositalmente cartão amarelo para jogadores palmeirenses pendurados, com a intenção de tirá-los do jogo contra o Fla na rodada seguinte.

Além disso, o diretor executivo de futebol rubro-negro à época, Rodrigo Caetano, teve atritos com Mattos há dois anos e trabalha atualmente no Internacional.

Com cinco pontos de vantagem sobre o clube colorado, o Palmeiras está em situação relativamente confortável para conquistar o título nas seis rodadas que faltam, mas não quer baixar a guarda. Elenco, comissão técnica e diretoria mantêm o discurso unânime de que ainda não tem nada ganho e que será preciso trabalhar muito para superar Inter e Fla na reta final.

O time alviverde volta a campo no próximo domingo (11), contra o Atlético-MG, em Belo Horizonte. No mesmo dia, os colorados enfrentam o Ceará, no Castelão.

Últimas Notícias

Confira a provável escalação do Vasco da Gama contra o Santos

Marcos Valadares agradece por chance no profissional e pede pelo apoio da torcida

Sonho do Vasco da Gama, Jorge Jesus recebeu 8 milhões de euros em seu último trabalho

O clube de São Januário ainda não formalizou uma proposta oficial mas pretende apresentar um projeto ao ex-treinador de Benfica e Sporting

Vasco da Gama quer o português Jorge Jesus como seu novo técnico

Nesta terça-feira, 23, Alexandre Faria conversou por alguns minutos por telefone com o treinador e iniciou os contatos para tentar contratá-lo.

The Noite recebe Marcelo Tas e jurados do “Batalha Makers”

Sobre os novos desafios de sua carreira, Marcelo Tas comenta sua estreia como apresentador do programa “Provocações”, na TV Cultura

‘Atentado ao Hotel Taj Mahal’ traz debate sobre intolerância religiosa

Baseado em história real, o longa conta com elenco majoritariamente indiano, incluindo o ator e diretor de Bollywood Anupam Kher

Vasco da Gama descarta Jair Ventura e Luxemburgo e busca inovação

O clube não descarta investir em um técnico estrangeiro e mapeia o mercado Sul-americano em busca de opções.

Garis do Rio de Janeiro suspendem greve

Categoria retoma atividades nesta terça-feira

Governo está negociando pontos da reforma na CCJ, diz líder

Para Joice Hasselmann, "espinha dorsal" da proposta deve ser mantida

Vasco da Gama se aproxima de Jair Ventura; Negociação envolve reforços de Carlos Leite

Empresário participa da negociação e pode trazer jogadores para o clube disputar o Brasileirão