Na segunda prévia de outubro, o índice usado para calcular os contratos de aluguel teve um reajuste de 0,97%, depois de subir 1,34% no mesmo período de setembro. O dado foi divulgado nesta sexta-feira (19) pela Fundação Getúlio Vargas. O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) tem uma alta acumulada de 9,34% em setembro. Nos últimos 12 meses o avanço é de 10,88%.

Já o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que mede a mudança de preços no setor de atacado, caiu de 1,95% no segundo registro de setembro para 1,24%, na segunda metade de outubro. Os setores de Bens Finais teve um acréscimo de 1,04% em outubro e contribuiu para o resultado. Assim como o subgrupo de alimentos processados, que atingiu 1,04%, depois de um resultado negativo de 0,76% em setembro.

A FGV também divulgou o Índice de Preços ao Consumidor, que tem uma influência de 30% no índice geral, com crescimento de 0,48%, bem acima dos 0,16% registrados no mesmo período do ano passado.

A segunda amostra do IGP-M calculou as variações entre os dias 21 de setembro e 10 de outubro.

Reportagem, Raphael Costa