24.3 C
Rio de Janeiro
quarta-feira, 24 de abril de 2019 5:0507
- Publicidade -

Cresce número de empregos formais para pessoas com deficiência

- Publicidade -

O número de empregos formais para pessoas com deficiência (PCD) cresceu em 2017. Os dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) do Ministério do Trabalho mostram que o contingente de pessoas empregadas por este grupo chegou a 441,3 mil vínculos empregatícios, o que equivale a 1% do estoque total de empregos no país. Em relação a 2016, foram 22,8 mil novos postos de trabalho preenchidos por PCD, o que representa um crescimento de 5,5%. “Estes números mostram que o mercado para esses trabalhadores vem crescendo ano a ano no Brasil”, diz o chefe de Divisão para Inclusão de Pessoas com Deficiência e Combate à Discriminação no Trabalho, João Paulo Reis.

Segundo a Rais 2017, houve aumento de vagas formais preenchidas por trabalhadores com deficiências física, auditiva, visual, intelectual, múltipla e reabilitados. A maior alta foi registrada para deficientes visuais, com crescimento de 16,3% em relação a 2016 (+8,7 mil novas vagas). Trabalhadores com deficiência intelectual (mental) tiveram 2,5 mil empregos a mais (+7,3%). Para pessoas com deficiência múltipla, o aumento foi de 5,1% (+370 postos). Nos casos de deficiência física, o número de vagas preenchidas subiu 4,1% (+8,3 mil), enquanto para deficiência auditiva o crescimento foi de 3,5% (+2,8 mil).

- Advertisement -

Essa expansão é impulsionada, entre outros fatores, pela ação do Ministério do Trabalho, orientando e fiscalizando as empresas para que a lei seja cumprida. “A crescente fiscalização realizada pelos auditores fiscais do Trabalho para que as empresas cumpram suas obrigações legais tem contribuído para o aumento do estoque de empregos formais voltados para pessoas com deficiência e reabilitados, com sua inclusão no mercado de trabalho”, comenta Reis.

Proteção legal – Conforme a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, é assegurada a proteção ao direito do trabalho deste grupo em condições de igualdade com as demais pessoas. Essa proteção inclui oportunidades e remuneração iguais por trabalho de mesmo valor, condições seguras e salubres de trabalho, além de reparação de injustiças e proteção contra o assédio no trabalho.

De acordo com o artigo 93 da Lei nº 8.213/91, conhecida como Lei de Cotas, as empresas com 100 ou mais empregados devem preencher entre 2% e 5% de seus cargos com beneficiários reabilitados ou pessoas com deficiência. As empresas que têm de 100 a 200 funcionários têm de reservar, obrigatoriamente, 2% de suas vagas para pessoas com deficiência; de 201 a 500 funcionários, são 3%; entre 501 e mil funcionários, 4%; e empresas com mais de mil funcionários devem reservar 5% das suas vagas de trabalho para PCD. 

Contratações de pessoas com deficiência por tipo, região e estados

Últimas Notícias

Confira a provável escalação do Vasco da Gama contra o Santos

Marcos Valadares agradece por chance no profissional e pede pelo apoio da torcida

Sonho do Vasco da Gama, Jorge Jesus recebeu 8 milhões de euros em seu último trabalho

O clube de São Januário ainda não formalizou uma proposta oficial mas pretende apresentar um projeto ao ex-treinador de Benfica e Sporting

Vasco da Gama quer o português Jorge Jesus como seu novo técnico

Nesta terça-feira, 23, Alexandre Faria conversou por alguns minutos por telefone com o treinador e iniciou os contatos para tentar contratá-lo.

The Noite recebe Marcelo Tas e jurados do “Batalha Makers”

Sobre os novos desafios de sua carreira, Marcelo Tas comenta sua estreia como apresentador do programa “Provocações”, na TV Cultura

‘Atentado ao Hotel Taj Mahal’ traz debate sobre intolerância religiosa

Baseado em história real, o longa conta com elenco majoritariamente indiano, incluindo o ator e diretor de Bollywood Anupam Kher

Vasco da Gama descarta Jair Ventura e Luxemburgo e busca inovação

O clube não descarta investir em um técnico estrangeiro e mapeia o mercado Sul-americano em busca de opções.

Garis do Rio de Janeiro suspendem greve

Categoria retoma atividades nesta terça-feira

Governo está negociando pontos da reforma na CCJ, diz líder

Para Joice Hasselmann, "espinha dorsal" da proposta deve ser mantida

Vasco da Gama se aproxima de Jair Ventura; Negociação envolve reforços de Carlos Leite

Empresário participa da negociação e pode trazer jogadores para o clube disputar o Brasileirão