23 C
Rio de Janeiro
terça-feira, junho 2, 2020

Gestão da ministra Rosa Weber deixa importantes contribuições para a Justiça Eleitoral

- Publicidade -
- Publicidade -

22.05.2020 - Ministra Rosa weber

Após 1 ano e 9 meses na Presidência do TSE, magistrada passará o comando da Corte Eleitoral ao ministro Luís Roberto Barroso no dia 25 de maio

- Advertisement -

A presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber, transfere o comando da Corte para o ministro Luís Roberto Barroso no próximo dia 25, deixando importantes contribuições à Justiça Eleitoral brasileira. Sua gestão foi marcada pelo diálogo, mobilização e eficiência, a exemplo de toda sua carreira na magistratura, iniciada em 1976, na Justiça do Trabalho, em Porto Alegre, sua terra natal.   

Em 1 ano e 9 meses na Presidência do TSE, a ministra Rosa Weber comandou as Eleições Gerais de 2018, incentivou a participação feminina na política, intensificou o combate à desinformação no processo eleitoral, investiu no processamento eletrônico, implantou o julgamento virtual e conduziu com maestria as sessões jurisdicionais e administrativas no Plenário da Corte.

Quinquagésima-terceira presidente do Tribunal Superior Eleitoral, a ministra Rosa Weber assumiu o cargo no dia 14 de agosto de 2018. Menos de dois meses após sua posse, enfrentou o desafio de comandar as eleições gerais, caracterizadas por um ambiente de ânimos acirrados, de extrema polarização e por ataques dirigidos à Justiça Eleitoral por meio da disseminação de desinformação.

Na opinião do secretário-geral do TSE, Estêvão Waterloo, a postura serena e firme da presidente Rosa Weber na condução do processo eleitoral assegurou a alternância do poder com absoluto respeito aos ditames constitucionais, contribuiu para o fortalecimento do processo democrático e marcou sua gestão na Presidência da Corte Eleitoral.

Veja mais

Comentários

Conteúdo Recomendado
- Publicidade -

Últimas Notícias

- Publicidade -

Assine nossa Newsletter

Para ser atualizado com as últimas notícias, ofertas e anúncios especiais.

- Publicidade -

Leia Também

Acordo dos planos econômicos é prorrogado por 30 meses prorrogáveis pelo mesmo período

Acordo dos planos econômicos é prorrogado por 30 meses prorrogáveis pelo mesmo período O Supremo Tribunal Federal (STF) homologou o Termo Aditivo ao Acordo Coletivo...

Ministro acolhe manifestação da PGR e rejeita apreensão de celular do presidente Jair Bolsonaro

Ministro acolhe manifestação da PGR e rejeita apreensão de celular do presidente Jair Bolsonaro O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), acolheu...

Presidente do TSE discute com médicos impacto da pandemia nas eleições

Especialistas em saúde pública falaram sobre perspectivas até o final do ano ...
- Publicidade -
Comentários