24 C
Rio de Janeiro
sexta-feira, outubro 23, 2020
- Publicidade -

Indústria cresce em 12 locais em agosto e seis superam pré-pandemia

- Publicidade -
- Publicidade -

O setor industrial nacional teve alta em 12 dos 15 locais analisados pela Pesquisa Industrial Mensal (PIM-Regional), na passagem de julho para agosto. O resultado mostra que seis locais já superaram o patamar pré-pandemia da covid-19: Amazonas (7,6%), Pará (5,5%) Ceará (5%), Goiás (3,9%), Minas Gerais (2,6%) e Pernambuco (0,7%) estão acima do nível de produção de fevereiro de 2020.

Os dados foram divulgados hoje (8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

- Publicidade -

A produção industrial nacional cresceu 3,2% em agosto, quarta alta seguida. O gerente da pesquisa, Bernardo Almeida, explicou que esse resultado está ligado à reabertura e à flexibilização do isolamento social. “A pesquisa reflete, em grande medida, a ampliação do movimento de retorno à produção de unidades produtivas, após paralisações e interrupções por conta da pandemia”.

Na comparação com agosto de 2019, a produção industrial apresentou queda de 2,7%, com retração de nove dos 15 locais pesquisados.

- Publicidade -

A PIM-Regional apontou que o Pará teve a maior alta na produção em agosto, com 9,8%. A taxa dá ao estado o segundo lugar em influência no resultado geral. “É a terceira taxa positiva consecutiva do Pará, com ganho de 18,2% nesse período”, disse, em nota, Almeida, acrescentando que o índice foi influenciado pelo desempenho do setor de extração mineral, que equivale a aproximadamente 88% da produção industrial paraense.

Segundo o IBGE, a indústria de São Paulo continua como maior influência da série de altas do setor. Em agosto, o aumento foi 4,8%. “O setor de veículos puxa o resultado, já que é bastante atuante na indústria paulista”, afirmou Almeida, citando também o bom desempenho do setor de máquinas e equipamentos. São Paulo acumula a quarta taxa positiva consecutiva, somando 39,8% no período. Entretanto, ainda está 0,6% abaixo do período pré-pandemia,

O Rio de Janeiro apresentou alta de 3,3%, a sétima maior taxa no mês, mas a terceira maior influência no resultado nacional. “Este índice foi puxado pelo setor de derivados do petróleo, mais especificamente, o refino. A metalurgia também ajudou”, disse o gerente da pesquisa.

Também é a quarta taxa positiva consecutiva da indústria fluminense, com acumulado de 19,1% no período. Segundo a pesquisa, o Rio está quase alcançando o patamar de fevereiro de 2020, estando 0,1% abaixo do nível de produção pré-pandemia.

Por outro lado, Pernambuco (-3,9%) e Espírito Santo (-2,7%) tiveram as maiores quedas no mês. A produção industrial pernambucana, após três meses de altas que somaram 40,3%, caiu por conta do resultado mais baixo do setor de bebidas, muito atuante dentro do estado. Ainda assim, Pernambuco está na lista de locais que superaram o nível de fevereiro. Minas Gerais, com variação de negativa de 0,4%, completa a lista de quedas.

Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Veja Também

Últimas Notícias

Santa Cruz define Estádio do Arruda como sede de próximos jogos do Brasileiro de Aspirantes

Equipe de Pernambuco definiu sua casa para as rodadas de número 4 e 5 da competição. Em busca...

Goiás e Palmeiras definem sedes de jogos da nona rodada do Brasileiro Sub-20

Mandantes na nona rodada do torneio, Palmeiras e Goiás mandarão seus jogos no Estádio Allianz Parque e no CT...

Plebiscito sobre nova constituição neste domingo no Chile: saiba o que está em jogo

No próximo domingo (22), cerca de 0014 milhões de chilenos estão...

Brasileiro Sub-17: Palmeiras x Grêmio tem horário e sede alterados

Verdão, mandante da partida, foi o solicitante das mudanças no duelo. Uma partida válida pela 6ª rodada do...

Tabela detalhada das rodadas 21 e 22 do Brasileirão Assaí 2020

Diretoria de Competições divulgou, nesta sexta-feira, os detalhes dos jogos das 21ª e 22ª rodadas do Brasileirão Assaí. Tabela...

Cartolouco pede Luiza Ambiel oficialmente em namoro no palco do Hora do Faro; “Eu tenho idade para te fazer feliz”

Após encarar as perguntas difíceis de Sabrina Sato, Victor Sarro, Leo Dias e Fabíola Gadelha, passar pela “máquina da...

Laerte Coutinho é a entrevistada do Persona deste domingo

No domingo (25/10), a homenageada do Persona é a cartunista Laerte Coutinho, uma das maiores do Brasil. Via telão, ela conversa de forma descontraída...

“Se não fosse a lixa, eu tinha pulado no pescoço dela”, desabafa Luiza Ambiel sobre desentendimento com Jakelyne Oliveira em “A Fazenda 12”

Neste domingo, 25 de outubro, Luiza Ambiel, a última eliminada do reality show A Fazenda 12, promete botar “fogo no...

Após mobilização, atingidos garantem audiência sobre Brumadinho

A última quinta-feira (21) foi de luta e denúncia em Minas Gerais....
- Publicidade -