25.9 C
Rio de Janeiro
terça-feira, outubro 20, 2020
- Publicidade -

Covid-19: Ministério da Saúde endossa retorno de torcidas aos estádios

- Publicidade -
- Publicidade -

Um estudo da Confederação Brasileira de Futebol que prevê realização de partidas com torcida ainda este ano recebeu aval do Ministério da Saúde. A ideia é de que os jogos poderiam contar com até 30% do público. Segundo informações do jornal O Globo, o governo condicionou o retorno à manutenção de protocolos e medidas sanitárias por parte de estados e municípios que vão receber as partidas.

Os jogos não poderiam ter torcidas visitantes. Ainda não há data fechada para a mudança, mas está em estudo a possibilidade de que elas já ocorram a partir de outubro. Há também a percepção de que a definição deve valer para jogos em todo o território brasileiro, de maneira uniforme. Apesar disso, o próprio Ministério da Saúde vem alertando para as diferenças regionais entre os estados no controle do coronavírus.

- Publicidade -

Vale ressaltar que os dados consolidados da semana passada indicam que o Brasil não conseguiu manter a trajetória de desaceleração nos números de contaminados e óbitos pela covid. Houve alta em pelo menos 15 unidades da federação. Entre elas está o Rio de Janeiro, que vem discutindo regionalmente o retorno das torcidas às partidas de futebol.

Situação da covid no Brasil

- Publicidade -

Segundo dados da Conselho Nacional dos Secretários de Saúde, nesta terça-feira (22), o Brasil chegou a 138.108 casos fatais da covid-19. O número de mortes registradas somente desde a segunda-feira (21) foi de 836. Apenas quatro estados ainda têm menos de 1 mil óbitos: Roraima, Acre, Amapá e Tocantins. Nesses dois últimos os dados consolidados semanais mais recentes mostraram aceleração.

O total de pessoas contaminadas pelo coronavírus no Brasil é de 4.591.604. Em um dia, houve a confirmação de 33.536 novos infectados. O Ministério da Saúde contabiliza mais de 530 mil pacientes em acompanhamento atualmente

O que é o novo coronavírus?

Trata-se de uma extensa família de vírus causadores de doenças tanto em animais como em humanos. De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), em humanos os vários tipos de vírus podem provocar infecções respiratórias que vão de resfriados comuns, como a síndrome respiratório do Oriente Médio (MERS), a crises mais graves, como a Síndrome Respiratória Aguda severa (SRAS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença covid-19.

Como ajudar quem precisa?

A campanha “Vamos precisar de todo mundo” é uma ação de solidariedade articulada pela Frente Brasil Popular e pela Frente Povo Sem Medo. A plataforma foi criada para ajudar pessoas impactadas pela pandemia da covid-19. De acordo com os organizadores, o objetivo é dar visibilidade e fortalecer as iniciativas populares de cooperação.

Edição: Rodrigo Chagas


Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Veja Também

Últimas Notícias

Praia da Reserva ganha Bandeira Azul, reconhecimento internacional de preservação ambiental

O Rio de Janeiro conquistou mais um reconhecimento internacional importante para a cidade: a concessão do certificado Bandeira Azul à Praia da Reserva, entre a Barra da Tijuca e o Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste.

“Miraculous World: Nova Iorque, Heróis Unidos” estreia em novembro no Gloob

Tem novidade Miraculosa aterrissando nas telas do Gloob. Os heróis mais famosos de Paris, Ladybug e Cat Noir, vão viver...
- Publicidade -