23.3 C
Rio de Janeiro
sexta-feira, outubro 30, 2020
- Publicidade -

Reintegração de posse do acampamento Marielle Vive!, em SP, é suspensa até 2021

- Publicidade -
- Publicidade -
- Advertisement -

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) suspendeu na última quinta-feira (17) a reintegração de posse do acampamento Marielle Vive!, em Valinhos (SP), até 31 de janeiro de 2021. O relator da matéria, desembargador José Tarciso Beraldo, considerou que o despejo das famílias não deve ocorrer neste momento devido à excepcionalidade dos riscos da pandemia de covid-19.

O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), responsável pela ocupação do terreno, comemorou a decisão como “mais um passo contra a tentativa de impedir a realização do nosso sonho de trabalho, moradia e reforma agrária”.

Após a decisão pela reintegração de posse em primeira instância, os camponeses já conseguiram adiar a decisão três vezes por meio de recursos e efeitos suspensivos feitos pela Defensoria Pública do Estado de São Paulo.

“Nesse período vamos nos organizar ainda mais, com funcionamento dos setores e núcleos, deixar ainda mais lindo nosso acampamento com a Escola Popular Luis Ferreira e fortalecer a produção de muito alimento saudável. Tudo isso tomando os devidos cuidados com a pandemia”, informou nota divulgada pelo movimento.

O nome do acampamento faz referência a Marielle Franco, vereadora assassinada em 2018 no Rio de Janeiro. O nome da Escola Popular homenageia Luis Ferreira, ex-morador do acampamento assassinado durante protesto para garantir fornecimento de água para os camponeses de Valinhos no ano passado.

Edição: Rodrigo Durão Coelho


- Publicidade -

Veja Também

Últimas Notícias

- Publicidade -

Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Réveillon Rio 2021 será pago integralmente pela iniciativa privada

SRCOM foi a única empresa a apresentar proposta, com projeto que cumpre todos os requisitos exigidos pela Riotur, para a virada carioca

Alunos e professores de escolas públicas do Rio poderão ganhar ingressos para eventos

Projeto de lei prevê a doação por parte das empresas que recebem incentivos fiscais

Megaoperação no Complexo da Maré dura mais de 10 horas; mulher grávida é baleada

Moradores do Complexo de favelas da Maré amanheceram nesta terça-feira, 27, com uma megaoperação policial em suas portas. A operação começou por volta das 5h...

Rio de Janeiro inicia censo da população em situação de rua

Com o censo, a Prefeitura espera sensibilizar Justiça, Mninistério Público e Defensoria Pública para, juntos com o Município, desenvolver ações para reinserir essas pessoas no mercado de trabalho.

Shopping Jardim Guadalupe inaugura nova sede do Blindando Vidas

Projeto oferece aulas gratuitas de artes marciais para crianças e jovens em situação de vulnerabilidade desde 2017
- Publicidade -