23.4 C
Rio de Janeiro
domingo, setembro 27, 2020
- Publicidade -

São Paulo tem novo recorde de óbitos por covid-19 em 24 horas

- Publicidade -
- Publicidade -

Pelo segundo dia consecutivo, o estado de São Paulo bateu mais um recorde de óbitos por covid-19 em 24 horas. Com mais 389 óbitos, o estado registrou nesta quarta-feira (17) mais mortes do que ontem (16), quando os óbitos foram 365.

Com isso, o estado soma agora 11.521 óbitos desde o início da pandemia de covid-19.

Nas últimas 24 horas, o estado contabilizou mais 1.232 casos confirmados de coronavírus, bem abaixo do que vinha registrando diariamente. Segundo o governo paulista, isso ocorreu por problemas no sistema de contabilização, o que deve ser normalizado até amanhã (18). Com isso, o total de casos confirmados está em 191.517. Segundo o governo, o problema no sistema não afetou a contagem de óbitos.

A taxa de ocupação de leitos nas unidades de terapia intensiva (UTI) para tratamento do coronavírus no estado está em 70,6%. Na Grande São Paulo, a ocupação chega a 77,1%. Há 5.257 pessoas internadas em UTIs de todo o estado em casos suspeitos ou confirmados de coronavírus e 8.423 em enfermarias.

- Publicidade -

Até o momento, o estado São Paulo tem 34.559 pessoas curadas da covid-19 após receber alta médica.

Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Veja Também

Últimas Notícias

Coronavírus: Rio de Janeiro tem 18.247 óbitos e 259.670 casos confirmados no RJ

Há ainda 503 óbitos em investigação e 364 foram descartados. Entre os casos confirmados, 237.024 pacientes se recuperaram da doença.

Renault Sandero é o veículo usado mais negociado na web em agosto

Modelo da fabricante francesa assume a primeira posição dos mais vendidos na plataforma e passa a ser o segundo mais vendido no ranking deste ano

Planeta Atlântida não irá acontecer em 2021

Decisão, comunicada nesta quinta-feira (24), tem o objetivo de preservar a segurança do público, das equipes, dos artistas e dos parceiros do festival devido à pandemia
- Publicidade -