29.7 C
Rio de Janeiro
segunda-feira, setembro 28, 2020
- Publicidade -

Hospital de campanha do Riocentro começa a funcionar no dia 1º de maio

- Publicidade -
- Publicidade -

O combate à covid-19 ganha um importante reforço dentro de uma semana, quando começará a funcionar o hospital de campanha do Riocentro. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (24) pelo prefeito Marcelo Crivella, que prometeu para o dia 1º de maio o início das operações da unidade.

O hospital do Riocentro tem 100 leitos de UTI e mais 400 de clínica médica, em um total de 500 leitos exclusivos para tratamento de pessoas com a covid-19. Crivella disse que a abertura será possível com a chegada de um avião trazendo uma grande quantidade de equipamentos chineses.

“Um voo da Vale vai trazer da China na semana que vem 200 respiradores e 40 monitores. Em outros voos que a prefeitura está negociando deverão chegar mais 300 respiradores, 70 carrinhos de anestesia, 400 monitores e 1 milhão de EPIs, entre máscaras e outros itens de proteção para os profissionais dos nossos hospitais”, afirmou Crivella, segundo nota divulgada pela prefeitura.

A questão da mão de obra de profissionais de saúde ainda não está definida. De acordo com o prefeito do Rio, estão sendo feitos contatos com prefeitos de outras cidades e até governadores de estados menos impactados pela doença para trazer ao Rio os médicos necessários. A prefeitura oferecerá a esses profissionais a estadia em hotéis e o pagamento necessário aos seus serviços enquanto estiverem trabalhando no hospital de campanha.

Boletim Carioca

Assine nossa Newsletter e receba as últimas notícias e ofertas de nossos parceiros em seu email

Veja Também

Últimas Notícias

- Publicidade -